sexta-feira, 18 de setembro de 2009

A Receita

Quantas vezes ao ler o blog do Edu Passarelli, nós tentamos reproduzir as receitas de seus pratos?


Porém, muitas vezes, mesmo com a receita e o modo de fazer, o resultado final nem passa perto do que foi o original.

Com cervejas não podia ser diferente, na internet é comum encontrarmos diversas receitas, algumas tentando clonar mitos cervejeiros, temos até livros só com receitas de cervejas, cervejeiros caseiros tem o hábito de publicarem suas receitas (o que eu acho muito legal), no blog do Botto achamos raridades cervejeiras, como a Thor, por exemplo, pra quem quiser aventurar-se em copiá-la.


Mas a receita decide o jogo? O que é interessante, copiar uma receita ou ter o prazer de fazer e beber a sua receita?

Quem tem uma pequena noção na arte de fazer o pão líquido já é capaz de notar que é impossível clonar cerveja, a receita é apenas o começo de tudo, nós precisamos saber escolher as matérias-primas, manusear a sala de brassagem, ter bons procedimentos de higiene e o que é mais difícil de controlar são os sensores da microcervejaria, isto é, os olhos, boca, nariz e ouvido do cervejeiro.

Além do mais, quem decide por ter uma microcervejaria e fazer cerveja o mínimo que esperamos são novidades, criatividade e personalidade nos produtos oferecidos, que graça tem copiar uma receita de outra cervejaria?

Vamos tentar cada vez mais trazer cervejas diferentes para os brasileiros, o máximo de estilos possíveis, seja resgatando a tradição, através dos clássicos, ou buscando a inovação utilizando novos ingredientes.
Com uma boa receita você tem chance de fazer uma boa cerveja, mas com uma receita ruim é impossível de fazer uma boa cerveja.

4 comentários:

Luizão disse...

Também não vejo muita graça clonar uma certa cerveja que virou mito.

Usar a receita dos outros parece que não foi você quem fez a cerveja, que você apenas executou uma idéia que alguém teve. E mesmo que a cerveja fique boa, você não estará bebendo uma cerveja de sua autoria.

Receitas tem que ser originais, sempre.

Alexandre Bamberg disse...

Luizão

Obrigado pela sua opinião, também concordo com você.

Abraço

Stela Patrocínio disse...

Perfeito nas suas colocações, Alexandre.
Originalidade e criatividade acima de tudo.
Abração

Alexandre Bamberg disse...

Stela,

Obrigado pelo seu comentário, você também produz suas receitas de forma original, nós podemos dizer que nós fazemos a nossa cerveja.

Abraço